3 de jan de 2008

Podcast, inovação da oralidade?

Nos últimos ensaios/experimentos que realizei foi com podcast, blog e wikispace. Objetivo? praticar a filosofia colaborativa impregnada na web mediada pelas diversas interfaces que utilizamos no dia-a-dia.

Desta experiência senti necessidade de retomar a leitura dos Três tempos do espirito: a oralidade, a escrita e a informática, no livro "As Tecnologiais da Inteligência" de Pierre Lèvy.

De forma simplista devemos atentar para as transformações que emergiram na sociedade frente as tecnologias intelectuais. Cada fato histórico marcou a humanidade chamando atenção para as restrições materiais, os elementos técnicos que tem condicionado as formas de pensar e as temporalidades na organização social. Neste sentido, Lévy nos diz que a "linguagem e a técnica contribuem para produzir e modular o tempo". O homem como ser social tem como fundante a comunicação e são as técnicas que identifica e classifica as culturas dos povos.

Lévy traz na oralidade primária o papel da palavra e sua função básica a "memoria social" de um povo, sua cultura e não apenas lembranças dos individuos. Hoje, só palavra viva, a idéia "se perdem no vento". A oralidade segundária representada pela junção da palavra e da escrita é caracteristica da contemporaneidade graças a escrita, a imprensa ( era "gutemberg") A técnica que utilizamos hoje (escrita) permanence mesmo que sujeita a interpretações de seus leitores independente do contexto.

"A leitura é fonte de uma temporalidade paradoxal, pois no exato momento em que aproxima o hermeneuta da origem do texto, alarga o fosso de tempo que tencionava preencher" ( Levy,1998 p.90)
Sem escrita, ele afirma, não há datas nem arquivos, não há listas de observações[...]nem sistemas filosóficos e muito menos críticas a estes sistemas.

Concluo perguntando: e o podcast não é um registro da oralidade?

2 comentários:

Concurso BiblioFilmes disse...

Parabéns pelo blogue.

Vinhamos dar conhecimento do concurso de vídeos no YouTube intitulado "BiblioFilmes – Livros, Bibliotecas, Acção!", que visa além de promover a leitura, o livro e as bibliotecas públicas e escolares através das novas tecnologias, angariar fundos.

Poderá encontrar mais informação na página oficial do concurso em http://bibliofilmes.com
e no blogue http://BiblioFilmes.blogspot.com .

Vínhamos, por este meio, divulgar a iniciativa e também convidar à divulgação e, eventualmente, participação.

Os filmes terão de ser feitos até 2 de Abril de 2008 (Dia Internacional do Livro Infantil), data em que se iniciará o período de votações, até 23 de Abril (Dia Mundial do Livro), em que serão anunciados os vencedores.

Com os nossos melhores cumprimentos,

Organização BiblioFilmes
bibliofilmes @ xariti.com

Euri disse...

Olá!
Obrigada pela visita e pelo convite.

Ja visitei o blog de voces e estou entrando em processo de criação.
Até